Header Ads

Umidade cai a 30% aqui em Patos e temperatura dispara. Veja os números


O calor tá de rachar! Essa é uma expressão muito usada pelos sertanejos e que pode ser aplicada perfeitamente aqui em Patos neste domingo, dia 12 de novembro. Nem o ventilador resolve mais, pois o vento soprado pelo aparelho é quente e em alguns casos piora a situação. Quem tem a sorte de contar com um sítio, ou chácara, sai rapidamente da cidade para buscar um ar menos quente e relaxar um pouco, aqueles sem essa opção, ou parte para o tradicional ar condicionado e amarga uma conta de energia altíssima no final do mês, ou se vira como pode.

Mesmo dentro dos padrões locais para essa época do ano, a baixa umidade associada a pouco vento, e consequentemente temperatura alta, pode ocasionar desconforto e problemas de saúde para idosos e crianças. A recomendação é a de sempre, evitar a exposição ao sol, ingerir bastante líquido, e se proteger a alta temperatura como poder.

Boa notícia.
A boa notícia é que os meteorologistas estão apontando que o ano que se aproxima, ou seja, 2018, a chuva deve retornar aos seus padrões normais aqui no Sertão. Alguns apontam o fenômeno La Niña (fenômeno oceânico-atmosférico que ocorre nas águas do Oceano Pacífico), que pode contribuir para formação de nuvens no nosso período chuvoso e consequentemente para um “bom inverno”, que diz o sertanejo. 




Patos Online