Header Ads

Justiça suspende teste seletivo de Patos por irregularidades no Edital



A Ação Popular foi promovida pelo vereador Ivânes Lacerda (MDB) em desfavor do Município de Patos e seu representante legal, prefeito Dinaldo Medeiros Wanderley Filho, na qual alega irregularidades no Edital 01/2018/PMP.

No dia 13 de junho, a prefeitura de Patos lançou o edital de seleção com 189 vagas de emprego para as secretarias de saúde, educação e desenvolvimento social.

O contrato, de acordo com o edital, seria para os profissionais trabalhar por 12 meses, podendo ser prorrogado por igual período.

Confira a decisão: 




Patos Verdade

Você também pode enviar informações à redação do portal p247.com.br pelo Whatsapp: 83 98116-3822 ou pelo e-mail: patoense.com@gmail.com

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.