Mulher é morta pelo marido enquanto trocava fralda do filho - PATOENSE.COM - O Portal de Notícias do Grupo Patoense

Mulher é morta pelo marido enquanto trocava fralda do filho


Uma mulher foi assassinada a tiros pelo o próprio marido, dentro da residência onde morava com a família, no bairro Normília da Cunha, região da Grande Terra Vermelha, em Vila Velha. Segundo testemunhas, o crime aconteceu após uma discussão do casal, por volta das 19h30, de terça-feira (30).

A vítima foi identificada como Iure dos Santos Farias, de 24 anos. A jovem foi atingida por um tiro na cabeça, no momento em que cuidava do bebê de apenas seis meses. Quando chegou na residência do casal, a polícia encontrou a vítima morta sobre a cama, com o filho entre as pernas.

Ainda de acordo com a polícia, o marido da vítima, Leonardo Bispo, de 22, é o principal suspeito. Após o assassinato, o homem foi até uma delegacia da região acompanhado do irmão e um advogado. Aos policiais ele contou que a mulher trocava a fralda do filho, quando sem querer, ele teria disparado um tiro na região da cabeça dela.

Segundo familiares de Iure, o suspeito era agressivo e o relacionamento deles era marcado por brigas e conflitos. "Eles brigavam muito. Ela já tinha sido ameaçada de morte outras vezes. Até a sogra dele já foi ameaçada por ele", contou um familiar que preferiu não ser identificado.

O filho da vítima, uma criança de 05 anos, que não é fruto do relacionamento do casal, foi quem confirmou para a polícia, que a mãe teria sido morta por Leandro. "Ele gritava muito. Viu a mãe ser morta. Leandro só se entregou porque o filho mais velho dela presenciou tudo", disse um familiar.

Por meio de nota, a Polícia Civil informou que o suspeito foi autuado em flagrante por feminicidio e encaminhado na manhã desta quarta-feira (1) ao Centro de Triagem de Viana (CTV).

Folha Vitória
Mulher é morta pelo marido enquanto trocava fralda do filho Mulher é morta pelo marido enquanto trocava fralda do filho Reviewed by Redação on 14:32:00 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.